Carregando... aguarde!

Redenção realiza treinamento sobre o novo sistema Monitriip, que auxiliará na gestão da frota junto à ANTT

2017-02-150EquipeEstradasÔnibusRegulamentaçãoTecnologiaTransitoTurismoVeículosViagem

MONOTRIIP_2-1200x900.jpg

Redenção realiza treinamento sobre o novo sistema Monitriip, que auxiliará na gestão da frota junto à ANTT

2017-02-15 0EquipeEstradasÔnibusRegulamentaçãoTecnologiaTransitoTurismoVeículosViagem

No dia 15 de Fevereiro a Redenção Turismo recebeu na matriz a Equipe da Mirus Rastreamento – empresa homologada à ANTT e contratada pela Redenção para realizar um treinamento junto aos motoristas, sobre os novos sistemas de telemetria embarcada, que serão implantados nos veículos da frota. O Sistema de Monitoramento do Transporte Rodoviário Interestadual e Internacional Coletivo de Passageiros, conhecido como Monitriip, foi disciplinado pela ANTT por meio da Resolução nº 4.499, de 2014 e estabelece padrões para a coleta, armazenamento, disponibilização e envio de dados que possibilitem o acompanhamento tempestivo da operação dos serviços de transporte, tais como horários e início do trajeto, itinerário, pontos de parada, entre outros, fundamentais para a gestão do setor e o aprimoramento da atuação da Agência na qualidade dos serviços outorgados.

O Monitriip é composto pelos subsistemas embarcado e não embarcado. O primeiro caso abrange o conjunto de equipamentos instalados nos veículos, destinados a permitir a sua localização e o seu monitoramento ao longo de toda a operação. O segundo trata da infraestrutura que não está localizada nos veículos utilizados na prestação de serviços, relacionada à venda de bilhetes de passagem rodoviários, venda e recarga de cartões de embarque semiurbano e de registro de ocorrências dos usuários.

MONOTRIIP_4
MONOTRIIP_5
MONOTRIIP_6
MONOTRIIP_2
MONOTRIIP_3

 

A empresa de transporte é a responsável pela aquisição, implantação e manutenção do equipamento necessário para o sistema, bem como pela coleta, armazenamento, disponibilização e envio dos dados para a Agência. Os dados do subsistema embarcado deverão ser encaminhados à Agência em tempo real, enquanto o não embarcado terá o prazo de 24 horas. A empresa deverá guardar as informações e os recibos eletrônicos da ANTT pelo prazo de cinco anos. Para conferência dos registros dos dados, todos os equipamentos devem permitir a fiscalização da ANTT em campo.

O sistema consiste na instalação, em todos os ônibus da frota, de equipamento, homologado pela ANTT, que fará a transmissão de dados por meio de conexão móvel de dados (exemplos: EDGE, 3G). A Agência vai monitorar todas as viagens realizadas sob sua autorização/permissão e, no transporte regular de passageiros, acompanhará, também, o número de pessoas transportadas, as tarifas praticadas, e o cumprimento da programação horária e do itinerário. As empresas de transporte de passageiros poderão solicitar funcionalidades adicionais em seus sistemas, tais como câmera de segurança, conexão wi-fi, comunicação bidirecional com os motoristas e sistemas inteligentes de gestão de frota, com o objetivo de aumentar a segurança e produtividade do transporte.

Para os passageiros, o Monitriip possibilitará maior transparência e informações em tempo real sobre suas viagens, em especial a pontualidade e a regularidade dos serviços.

O Monitriip permitirá o acompanhamento mais eficiente e eficaz da prestação dos serviços, com a automatização da coleta de dados e informações, possibilitando o aprimoramento da atuação da Agência e assegurando a prestação de serviços adequados aos usuários, conforme preconiza a missão institucional da ANTT.

A Redenção turismo já está se adaptando à nova regulamentação, preparando equipes de Tráfego, Motoristas e Atendentes de Turismo com os novos procedimentos.

 

Departamento de Marketing e Comunicação


Este site foi desenvolvido por